Publicado por Katharyne Bezerra

Dia 6 de janeiro é comemorado o Dia de Reis, data em homenagem ao momento em que os três reis magos chegaram ao local do nascimento de Jesus Cristo. Guiados pela Estrela D’Alva (estrela do Oriente), os sábios saíram de suas distintas regiões do Oriente levando consigo um presente para o menino que acabara de nascer. Acredita-se que eles tenham partido no dia 25 de dezembro, mas pela distância só conseguiram chegar no dia 6 do mês posterior.

História bíblica aperfeiçoada pela igreja

De acordo com os historiadores, os reis magos tinham a função de representarem o reconhecimento de Jesus pelos povos. Na bíblia, não há os nomes dos sábios e nem quantos eram de verdade, acredita-se que pelos presentes tenham sido três reis com os seguintes nomes: Gaspar, Baltazar e Melchior.

Cada nome tinha um significado, e o presente entregue ao menino Jesus possuía uma simbologia. Gaspar significava “o branco” e trazia para o Salvador um incenso. Essa oferenda representava a fé e a espiritualidade, uma alusão à divindade do recém-nascido. Quando queimado espanta mosquitos e também as energias ruins.

A comemoração do Dia de Reis

Foto: Reprodução/ internet

Baltazar, o “senhor dos tesouros”, levou o ouro para Jesus, o rei dos reis. Naquela época, o ouro era uma oferta feita apenas para os deuses e tinha como significado a nobreza. Já o “rei da luz”, chamado de Melchior, levou mirra para presentear o Messias. Esta oferenda era feita em especial para os profetas, pois era utilizada para embalsar corpos e simbolizava a imortalidade.

Festa de Reis no Brasil e no mundo

Para festejar o simbolismo que o dia 6 de janeiro possui, no Brasil é comemorado a Folia de Reis. Quem trouxe o festejo para a cultura brasileira, foram os portugueses ainda na colonização. Atualmente, a festa ocorre tradicionalmente no interior do país e é dotada de caráter religioso. Começa no dia 24 de dezembro, véspera de Natal, e termina em 6 de janeiro, no Dia de Reis.

No último dia, músicos, personagens característicos  de Reis magos, palhaços e foliões saem nas ruas entoando músicas religiosas e levando a bênção do menino Jesus para aqueles que os recebem. Tradicionalmente, as pessoas em troca oferecem comida, café ou qualquer outro elemento para os passantes.

Na Europa, muitos países também celebram esta data, mas de forma diferente. Um bom exemplo é a Espanha, onde crianças deixam sapatos nas janelas cheios de capim que vão servir de alimentos para os Reis Magos. Eles, em troca, “deixam” doces para os pequenos.

Veja mais!