Publicado por Robson Merieverton

Uma dúvida bastante recorrente entre os estudantes vem da Idade Média e se ela tem alguma relação com a Idade das Trevas.

A Idade Média era uma época da história dominada pela Igreja. Através dela, tudo tinha que passar pela sua aprovação: arte, ciência…

Como forma de criar um contraponto a partir desse domínio, surgiu a denominação “Idade das Trevas”.

Porém, muitas outras coisas levaram a formulação dessa ideia, hoje, encarada como preconceituosa por alguns historiadores.

A Idade Média tem alguma relação com a Idade das Trevas?

Foto: Pixabay

A Idade Média e Idade das Trevas

A Idade Média é conhecida como sendo uma época de grandes acontecimentos que moldaram a história da humanidade. Seu início é marcado pela derrubada do Império Romano do Ocidente, por volta do século V.

A época ficou assim conhecida em decorrência de uma fase em que os reis italianos se mostraram inovadores e transformadores. Ela também foi dividida em duas fases: Alta Idade Média e a Baixa Idade Média.

O termo “Idade das Trevas” nasceu no Renascimento. Isso aconteceu devido os renascentistas colocarem-se como herdeiros do pensamento e da ciência desenvolvidos por gregos e romanos, isso fez com que alguns movimentos e características da época viessem à tona novamente.

Muitas dessas ideias eram baseadas na forma com que a Igreja conduzia os acontecimentos e podava os possíveis avanços na área da arte e ciência.

A dominação religiosa criou uma barreira entre o desenvolvimento da razão, fazendo com que a época fosse dotada de um “atraso”.

Sendo assim, a Idade Média passou a ser conhecida como época de escuridão e sombras, nascendo, portanto a relação com o termo “Idade das Trevas”.

Outro ponto bastante relevante a respeito da denominação, vem dos acontecimentos negativos que acometeram o período, induzindo ao flagelo e a ruína dos tempos.

Eles são resultados de guerras, invasões bárbaras, crises da agricultura, epidemias, inquisição, a centralização da economia restrita aos feudos, desigualdades sociais, dentre outros aspectos. Isso perdurou até o século XV.

Divergências históricas

Alguns historiadores veem o uso do termo “Idade das Trevas” com certo preconceito, pois desqualifica a cultura, ciência e arte da Idade Média.

Embora impregnada pela mentalidade religiosa, a cultura da época não ficou estática de tudo. Ela floresceu em diversas outras áreas, a exemplo da arquitetura, filosofia, organização social e jurídica.

A Igreja foi importante para a civilização dos bárbaros e tribos.

Veja mais!