Publicado por Débora Silva

Às vezes, ao nos olharmos no espelho, podemos nos sentir insatisfeitos com um detalhe aqui ou outro ali, e começamos a nos comparar aos outros e tentar mudar alguma característica nossa. É preciso ter muita atenção e cuidado para que esta insatisfação e o desejo de modificar algo em nosso corpo não nos leve a problemas mais sérios de saúde.

A anorexia e a bulimia são dois distúrbios alimentares que atingem especialmente as adolescentes do sexo feminino, que tentam seguir o padrão de beleza exposto nas capas de revistas de moda. Estes dois problemas são muito graves, inclusive com casos de mortes, sendo necessário um acompanhamento médico e psicológico.

Em ambos os transtornos, as pessoas têm uma preocupação excessiva com o peso, medo de engordar e uma distorção de sua imagem corporal, não se vendo de acordo com a realidade.

Anorexia e bulimia – O que são?

Foto: Reprodução

O que é anorexia?

Na anorexia, o indivíduo acredita que está acima do peso, mesmo não estando, e se recusa a comer por medo de ganhar algumas gramas a mais. A restrição alimentar vai aumentando, com a redução do número de refeições, podendo evoluir até o jejum.

Além da clara perda de peso, os pacientes anoréxicos começam a apresentar queda de cabelo, problemas cardíacos, enfraquecimento das unhas, problemas ósseos e depressão. Nos casos mais graves, a pessoa que sofre de anorexia pode morrer de desnutrição. Nas mulheres, os ciclos menstruais passam a ser irregulares e pode ocorrer infertilidade.

O que é bulimia?

A bulimia é um transtorno alimentar caracterizado por episódios repetidos de compulsão alimentar, com uma grande ingestão de alimentos, seguidos por momentos nos quais o paciente tenta compensar o ato impulsivo, forçando e provocando vômitos e fazendo uso indevido de laxantes, diuréticos e/ou outros medicamentos, além de praticar jejuns e exercícios excessivos.

Devido à grande ingestão de alimentos, ocorre a absorção de parte deles e a pessoa não consegue eliminar 100% do que comeu. Por isto, o paciente bulímico nem sempre perde peso. Na bulimia, existe a compulsão alimentar seguida de culpa por comer demais e por engordar.

Ao forçar vômitos e usar laxantes e/ou diuréticos de forma indevida, o indivíduo desencadeia um processo de desidratação e perda de sais minerais. A perda de nutrientes pode ter as seguintes consequências: queda de cabelo, ressecamento das unhas, dores abdominais, osteoporose e outros problemas que podem levar à morte.

Veja mais!