Publicado por Prof. Luana Polon

Neste artigo, você conhecerá sobre um dos problemas socioambientais mais preocupantes do mundo, que é o aquecimento global. Você verá o que é este fenômeno, quais são suas causas e suas consequências.

Existem muitos problemas socioambientais no mundo. Estes problemas podem ser causados pelas próprias dinâmicas da natureza, mas geralmente estão relacionados com a ação humana.

Os homens, em suas atividades produtivas diárias, acabam se utilizando de forma inadequada dos recursos naturais, gerando os mais diversos tipos de poluição. Tudo na natureza está interligado, então, quando os seres humanos não agem de modo correto na natureza, irão ser atingidos pelas consequências de suas ações.

O que é aquecimento global?

Para entender o que é o aquecimento global, é importante saber primeiramente o que é a atmosfera. Entre a crosta do planeta Terra e o espaço, existe uma camada formada por gases, a qual envolve o planeta por conta da gravidade.

Essa camada é chamada de atmosfera, e ela pode ser dividida em outras subcamadas: troposfera, estratosfera, mesosfera, termosfera e exosfera.

Essa camada, a atmosfera, é importante para a existência de vida no planeta, já que ela ajuda a controlar a incidência da radiação solar, mantendo uma temperatura adequada para a vida.

Cidade sofrendo aquecimento global

Aquecimento global é o aumento da temperatura devido ao efeito estufa (Foto: depositphotos)

Há um fenômeno chamado de efeito estufa, que é quando a poluição ocasionada pelas atividades humanas (transportes, industrialização) acabam fazendo com que o calor da luz solar fique retido em excesso na superfície do planeta, e não consiga se dissipar através da atmosfera.

O efeito estufa ocorre naturalmente por conta da atmosfera, que forma uma estufa na superfície do planeta, no entanto, com a poluição, o calor fica concentrado, aumentando a temperatura na superfície. Esse aumento das temperaturas, ocasionado pelo efeito estufa, é conhecido como aquecimento global.

O crescimento da temperatura dos oceanos e da atmosfera do planeta vem ocorrendo há um tempo, e mesmo pequenas mudanças já conseguem produzir efeitos muito intensos. Segundo dados da NASA (Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço) o ano de 2017 pode ser considerado como um dos mais quentes dos últimos 138 anos.

Estima-se que a temperatura média da superfície da Terra tenha aumentado cerca de 1ºC nos últimos cem anos, e que esta continua em aumento, o que é bastante preocupante, principalmente nas regiões polares.

Veja tambémOs fatores que influenciam o clima

Quais são as principais causas do aquecimento global?

O planeta Terra é vivo e dinâmico, e sofre modificações ao longo do tempo. Com isso, existem momentos em que as temperaturas estão mais elevadas, enquanto em outros, o frio pode predominar.

Por isso, alguns pesquisadores acreditam que o aquecimento global seja um fenômeno natural, ou seja, algo que aconteceria de qualquer forma com o planeta. Outros pesquisadores acreditam que esse fenômeno seja ocasionado pelas atividades humanas, as quais lançam muitos poluentes na atmosfera, ocasionando danos em sua estrutura.

As principais causas do aquecimento global são: elevada emissão de gases poluentes na atmosfera, queimadas, queima de combustíveis fósseis (carvão mineral, gás natural e o petróleo), ou seja, as atividades humanas que acabam intensificando o efeito estufa.

Principais consequências\efeitos do aquecimento global

Existem várias consequências que podem ser ocasionadas pelo aquecimento global, sendo a mais preocupante delas o derretimento das calotas polares, que são aqueles enormes blocos de gelo que recobrem a região dos polos terrestres (Polo Norte e Polo Sul).

O degelo ocasionaria graves problemas, como o aumento dos níveis dos oceanos, o que acabaria por encobrir as costas continentais. Além disso, haveria uma mudança em relação ao regime de chuvas no mundo, alterando as atividades agrícolas.

Derretimento de calota polar

Uma das consequências do aquecimento global é o derretimento das calotas polares (Foto: depositphotos)

Poderiam ocorrer em maior intensidade fenômenos como: tempestades severas, inundações, vendavais, ondas de calor, secas prolongadas. Haveria ainda a proliferação de insetos transmissores de doenças, por conta da elevação das temperaturas. Além disso, é prevista a extinção de espécies animais e vegetais, já que estes sofreriam com mudanças nos seus habitats.

Todas estas consequências afetam de forma direta a vida humana, interferindo na quantidade e qualidade dos alimentos, na saúde por conta da maior incidência de doenças, dentre outros.

O que as pessoas podem fazer acerca do aquecimento global?

Os cientistas que afirmam que as atividades humanas têm relação com o aquecimento global dizem que algumas medidas podem ser tomadas para evitar o agravamento da situação, já que as consequências são muito sérias.

Algumas atitudes possíveis são: regulagem dos motores de veículos, para que estes emitam menos gases poluentes; mudança de hábitos, optando por meios de locomoção mais sustentáveis, como bicicletas; reciclagem do lixo, evitando os gases que são produzidos nos aterros; plantio de árvores, já que estas renovam o ar por meio da fotossíntese; mudança de hábitos em relação ao consumo, visando um menor número de industrializados, o que emitia menos gases na atmosfera; mobilização social, cobrando políticas públicas ligadas a sustentabilidade.

Veja também: Ilhas de calor

As mudanças no cotidiano são importantes, mas somente elas não bastam. É necessário criar pressões para que os governos do mundo se comprometam com medidas ambientais, mudando seus princípios e fazendo valer os compromissos já firmados.

Danos do aquecimento global

O aquecimento global é um fenômeno que gera muitos questionamentos, especialmente sobre qual a porcentagem de culpa dos seres humanos em relação a ele. É sabido, no entanto, que são grandes os danos ocasionados por esse fenômeno, especialmente no que tange ao derretimento das calotas polares, e as sequelas disto.

O aquecimento global já foi debatido em alguns eventos mundiais, mas alguns países insistem em não aderir aos acordos internacionais, porque não querem mexer em sua estrutura produtiva.

Algumas possibilidades para amenizar o aquecimento global são as mudanças de hábitos, como as escolhas de consumo, bem como de formas de locomoção e atividades industriais.

É preciso compreender que alguns danos ambientais podem ser irreversíveis, e que o quanto antes houver medidas de conter as causas, menos intensas serão as consequências.

*Luana Polon é Mestre em Geografia pela Unioeste, Graduada em Geografia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) e Especialista em Neuropedagogia pela Faculdade Alfa de Umuarama (FAU)

Referências

BRASIL. Ministério Público Federal. O que é o aquecimento global? Disponível em: <http://www.turminha.mpf.mp.br/proteja-a-natureza/poluicao-e-aquecimento-global/o-que-e-o-aquecimento-global>. Acesso em: 16 de agosto de 2018.

BRASIL. Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – INPE. Quais as consequências do aquecimento global? Disponível em: < http://www.inpe.br/acessoainformacao/node/483>. Acesso em: 16 de agosto de 2018.

PASSOS, Eduardo; SILLOS, Angela (editores). Tempo de Ciência. 6 ano. 2 ed. São Paulo: Editora do Brasil, 2015.

Veja mais!