Publicado por Lia Vieira

A cerâmica é o processo finalizado de cozimento da argila. A argila é um tipo de barro retirado do subsolo e possui uma consistência bastante pastosa, que permite a sua fácil manipulação.

Na argila moldam-se peças e objetos, sendo assim a cerâmica é a “argila queimada” (colocada em forno em alta temperatura) para que o calor realize o processo de cozimento e assim solidifique o material. A temperatura deve ser de 600°C para que a argila seque e vire uma cerâmica, seu tempo de cozimento também deve ser controlado.

Cerâmica

Foto: Reprodução

Cerâmica

A fabricação de objetos de cerâmica iniciou-se no Oriente Médio, há cerca de 9.000 anos, porém, apenas a cerca de 3.500 anos é que se passou a utilizar da roda de olaria (objeto que auxilia o oleiro a dar forma perfeita as peças).

Roda de olaria

A roda de olaria é uma plataforma que através de determinada força pode rodar. É de extrema importância para garantir bom resultado na moldura do objeto, facilitando e ajudando no processo de criação de peças de cerâmicas.

Antes da utilização da roda de olaria, as peças eram feitas através do anelamento, onde tiras de argila eram utilizadas para se fabricar peças circulares, ou em moldes de gesso.

Tipos de cerâmicas

Existem dois tipos de cerâmicas: a cerâmica tradicional e a cerâmica avançada.

  • Cerâmica Tradicional: é utilizada em revestimentos, como por exemplo, em azulejo, vaso, tijolo, e qualquer outro objeto que não necessite de maior sofisticação.
  •  Cerâmica Avançada: é utilizada a partir de uma matéria prima mais purificada, tendo como origem a mesma cerâmica tradicional. Pode ser usada, como por exemplo, em tijolo refratário e em alguns fornos

Utilização popular da cerâmica

  • Atualmente as cerâmicas vão além de tijolos, vasos e azulejos.
  • Bioquímica: as cerâmicas são utilizadas em implantes dentários e até mesmo na substituição de ossos;
  •  Eletroeletrônica: são utilizadas em sensores, sonares, capacitores e supercondutores;
  •  Mecânica: são utilizadas em ferramentas de corte;
  • Ótica: são utilizadas em fibras óticas e materiais fluorescentes;
  • Térmica: são utilizadas como substratos;
  • Área Nuclear: são utilizadas nos combustíveis.

Veja mais!