Publicado por Débora Silva

A classificação dos elementos químicos é feita com base na Tabela Periódica, que organiza os elementos em linhas horizontais chamadas períodos e colunas verticais que recebem o nome de grupos ou famílias, relacionados em ordem crescente de seus números atômicos. Na Tabela Periódica, os elementos químicos podem ser classificados de várias maneiras, sendo que uma das principais delas é aquela que separa os elementos em grupos de acordo com as suas propriedades e características físicas. Dessa maneira, a classificação dos elementos químicos é feita em cinco grandes grupos, a saber: metais, ametais (ou não-metais), semimetais, gases nobres e hidrogênio.

Classificação dos elementos químicos

Foto: Reprodução

Os cinco grandes grupos dos elementos químicos

Vamos conhecer melhor cada um dos cinco grandes grupos de classificação dos elementos químicos:

Metais

Na vida cotidiana, nós temos contato com vários metais, como, por exemplo, o cobre da moeda de cinco centavos, o ferro dos parafusos, o alumínio das latas de refrigerante etc. A maioria dos elementos químicos da tabela periódica são compostos por metais, no total de 87.

As propriedades dos metais são as seguintes:

– São bons condutores de eletricidade e calor;
– Têm a tendência de perder elétrons;
– Possuem brilho metálico característico;
– São maleáveis e dúcteis, isto é, eles podem ser moldados na forma de lâminas finas e na forma de fios;
– São sólidos, com exceção do mercúrio.

Ametais (não-metais)

São os elementos mais abundantes na natureza. O bromo, o iodo, cloro, nitrogênio e oxigênio são alguns destes elementos. Suas propriedades são as seguintes:

– Possuem características contrárias aos metais, ou seja, não são bons condutores de calor e eletricidade;
– Têm a tendência de ganhar elétrons;
– São opacos;
– Não podem ser moldados em fios ou lâminas, pois são quebradiços.

Semimetais

Embora esta nomenclatura esteja em desuso, pois a IUPAC (União Internacional de Química Pura e Aplicada) não reconhece mais essa classificação, ela ainda aparece em muitas Tabelas Periódicas. Isto ocorre porque os elementos apresentam características intermediárias às dos metais e às dos ametais.

São sete os elementos: boro, silício, germânio, arsênio, antimônio, telúrio e polônio.

Suas propriedades intermediárias são as seguintes:

– Possuem brilho metálico;
– Fragmentam-se;
– Praticamente não conduzem eletricidade.

Gases Nobres

São os elementos da família 18, respectivamente: hélio, neônio, argônio, criptônio, xenônio e radônio.

Suas propriedades são as seguintes:

– São gasosos em temperatura ambiente;
– São chamados de nobres porque são os únicos elementos químicos encontrados na natureza em sua forma isolada. Eles são mais estáveis assim.

Hidrogênio

O hidrogênio é considerado à parte, pois possui um comportamento único. Em temperatura ambiente, é um gás extremamente inflamável e pode se combinar com metais, ametais e semimetais. Normalmente é encontrado nas altas camadas da atmosfera.

Veja mais!