Publicado por Ana Ligia

A climatologia é uma das áreas da geografia física que estuda o clima. Essa é uma ciência fundamental para auxiliar diversas atividades humanas, pois muitas dependem do tempo, como agricultura, comércio e economia.

Antigamente os estudos de tempo e clima eram tidos como obra de Deus e não existia nenhum tipo de profundidade sobre os temas. Quando em 1953 Galileu e Torricelli inventaram respectivamente o termômetro e barômetro de mercúrio, os eventos puderam ser estudados de forma mais concreta e precisa.

Com o aprofundamento das pesquisas, pouco tempo depois foi possível dividir os estudos dos fenômenos da atmosfera em duas áreas: climatologia e a meteorologia, que apesar de estudarem o mesmo objeto, possuem abordagens diferenciadas sobre o tema.

Climatologia: estudo e funcionamento do clima

Foto: Pixabay

Com as pesquisas aprofundadas de climatologia e o avanço tecnológico, é possível sabermos de informações sobre chuvas, secas, furacões, tempestades, entre tantas outras. Antes, as informações sobre o clima de médio e longo prazo eram inexatas, agora existe um forte grau de acerto pelos estudiosos da área.

Diferença entre meteorologia, climatologia, tempo e clima

O estudo da meteorologia é voltada para fenômenos que são imediatos. Ele busca explicar as variações das temperaturas que ocorreram na última semana. Por exemplo, quando falamos que ontem choveu ou que o dia está tendo uma manhã fria, estamos nos referindo ao tempo, um comportamento momentâneo da atmosfera.

Já a climatologia se aprofunda nos fenômenos atmosféricos que acontecem ao médio e longo prazo. Por exemplo, quando falamos que agosto é um mês chuvoso, estamos nos referindo ao clima, um comportamento que possui um período mais longo.

A meteorologia geralmente é associado aos estudos do campo da física. Já a climatologia é, por muitos, atrelado à geografia.

Veja mais!