Publicado por Katharyne Bezerra

Já parou para pensar como ser um poeta? Essa dúvida pode surgir na mente dos estudantes que gostam de escrever e acham que essa seria uma boa profissão para suas vidas, assim como você pode pensar. Mas além dessa questão, existem outras que podem “martelar” em sua mente.

Se perguntar a definição do termo poeta ou quais os requisitos para se tornar um são dúvidas comuns para quem se interessa pelo mundo poético. Assim como se questionar como conseguir escrever poemas de amor.

Todos esses questionamentos são comuns e podem ser esclarecidos neste artigo. Além disso, você também pode entender como escrever um livro de poemas e quem sabe ficar tão famoso quanto o poeta português Fernando Pessoa. Mas calma, não é preciso pânico para entender sobre o meio literário. Se você quer realizar o sonho de ser um poeta, você está no lugar certo.

A seguir, é possível encontrar dicas de como ser um poeta. Você também pode saber como funciona para publicar poemas e como fazer para iniciar nessa carreira. Sendo assim, tornar-se um grande e bom poeta brasileiro.

Veja também: 5 dicas de como introduzir a leitura na rotina das crianças

10 dicas de como ser um poeta

De acordo com a poetisa brasileira Lígia Messina, em poema intitulado “Ser Poeta” do livro “Borboletas na Alma” da Age Editora, escrever poesias ou ser poeta não se limita a buscar rimas em suas criações.

Para Lígia, ser poeta é muito mais que isso. E na tentativa de explicar o que é um escritor de poesias, a autora diz:

“É colocar na ponta dos dedos
O sentimento mais profundo
Da dor de amor ou felicidade
De transportar para o papel
A beleza dos sentimentos
A harmonia de uma paisagem
Que somente a natureza sabe desenhar”

Para ser um poeta é preciso gostar de ler e, sobretudo, de escrever

Saber de ortografia e gramática são premissas essenciais para ser um poeta (Foto: depositphotos)

Nesse sentido, ser poeta é abrir as portas para a criatividade e convidá-la para entrar. Ao mesmo tempo, é conseguir inspiração e ter noção de tudo que está ao seu redor.

Pois os sentimentos, a natureza e a vida no geral são fontes inesgotáveis para a poesia. Portanto, veja a seguir 10 dicas de como ser um poeta:

1. Gostar de ler

Apesar de serem dois processos distintos, ler e escrever são ações complementares. Isso significa dizer que um influencia no outro e vice-versa. Por isso que existe o ditado que diz que “quem lê mais, escreve melhor“.

Essa máxima é verdadeira e incentiva para que se busque cada vez mais ler com bastante intensidade. Quanto mais se ler, mais conhecimento de mundo e de vocabulário se tem.

Isso não significa copiar o que já leu anteriormente, é aumentar as ideias para próximas produções. E assim desenvolver seu próprio estilo de escrita.

Veja também: Benefícios da leitura

2. Estudar sobre literatura e língua portuguesa

Se você deseja ser um poeta, precisa ser um aluno que se interessa pelas áreas de língua portuguesa e literatura, principalmente. Entender sobre regras gramaticais é importante para escrever cada vez melhor.

Além disso, o estudo aprofundado em literatura vai permitir que você consiga perceber estilos diferentes. Isso porque a literatura brasileira e estrangeira estão repletas de títulos de livros de poemas.

Assim é possível conhecer escritores de diferentes épocas e entender as características de cada um. Podendo até se identificar com algum deles.

3. Praticar a escrita

Para o educador e pedagogo Paulo Freire, é praticando que se aperfeiçoa. Por isso que para escrever melhor é preciso praticar o máximo possível a escrita. E neste sentido, o especialista convida os alunos a estarem sempre escrevendo.

No entanto, além da prática é importante que você faça uma auto avaliação do seu desenvolvimento. Busque saber em quais pontos você pode melhorar e o que você pode usar como artifício para ter uma escrita mais aprimorada.

4. Estar aberto às críticas construtivas

Além de se auto avaliar, você também pode pedir ajuda de outras pessoas ao seu redor. Mostre seus escritos e poemas aos seus pais e pergunte o que eles acham. Também busque a opinião dos seus amigos mais próximos.

Pedir ajuda aos profissionais da escola é outro modo de ver como está o seu desempenho. Mas lembre-se, é importante estar aberto às críticas. Elas são parte essencial para o seu crescimento como poeta.

Veja também: O Dia Nacional da Poesia: 31 de outubro

5. Entender sobre literatura

É claro que você precisa também entender sobre a literatura. Isso não significa saber apenas os períodos de cada escola literária como Romantismo e Modernismo. É preciso ir além e entender sobre as características dessas épocas.

Além disso, você deve compreender os tipos de literatura que existem, como: literatura de cordel, trova, poesia, romântica, prosa, ficção. Entre as mais variadas divisões você pode achar a que mais gosta.

6. Encontrar seu estilo

É aqui que entra o encontrar seu estilo. Depois de reconhecer e entender os tipos de literatura, é hora de se reconhecer e criar seu próprio estilo. Diante de tantas opções, é possível achar aquela que mais combina com seu jeito de escrever.

Outro fator também pode contribuir para essa escolha. Por exemplo, se você é um escritor que gosta mais de falar sobre amor, seu estilo está mais para a literatura romântica. Agora se você gosta de criar rimas perfeitas, o cordel pode ser um bom espaço de trabalho.

7. Dedicar-se

Todas essas dicas já mencionadas não servirão de nada se você não buscar se dedicar aos estudos. É necessário estudar, esforçar-se e procurar as melhores formas de expressar seus pensamentos em palavras.

Por essa razão, para ser um poeta é preciso dedicação. Assim como as demais profissões, a prática na escrita leva à perfeição.

8. Buscar inspiração

Ainda levando em consideração o poema de Lígia Messina, ser poeta é inspirar-se nas pequenas coisas. Para isso é preciso enxergar com “os olhos da alma a verdadeira emoção” e assim perceber a real beleza dos acontecimentos.

Como exemplo, a escritora cita “ver num botão de rosa a exuberância da flor”. Além disso, ser poeta “é ouvir do pio dos pássaros todo uma sinfonia”. Por fim, “é chorar é sorrir é sofrer ser feliz é amar”.

9. Inscrever-se em concursos

Ainda durante a escola você deve escrever seus poemas e se possível se inscrever em concursos. Isso é uma maneira de ganhar experiência e aprender ainda mais sobre esse meio que você deseja viver.

Na internet é possível encontrar vários concursos, cada um deles com suas especificidades. Para ajudar as pessoas que estão começando agora e também aos que estão nesse meio há um tempo, o Centro de Apoio ao Escritor destaca alguns dos principais concursos literários disponíveis no Brasil e no exterior.

Veja também: O ‘universo’ dos poemas para crianças

10. Considerar fazer uma faculdade na área

Por fim, mas não menos importante: pense à frente do seu tempo. Se você ainda está no ensino fundamental ou médio, busque saber um pouco mais sobre faculdades que envolvam os diferentes tipos de literatura.

O curso de Letras é um exemplo, pois além de trazer conteúdos da língua portuguesa oferece também uma gama de assuntos sobre literatura. Por isso, considere uma faculdade na área.

Publicar poemas e livros: quais requisitos para ser poeta?

Diante de tantas dicas fica mais fácil iniciar a carreira de poeta, mas algumas dúvidas ainda podem persistir na mente do estudante. Por exemplo: como publicar poemas e livros ou quais requisitos para ser poeta?

Para ser um poeta vale apostar em concursos literários e exposições online

Um poeta precisa se dedicar à leitura e buscar seu estilo (Foto: depositphotos)

Antes de mais nada é preciso entender que os poemas podem ser publicados de diferentes formas. Uma delas é através de concursos de poemas. Muitos desses meios abrem inscrições e selecionam os melhores poemas para compor livros.

Outros também apostam em premiação em dinheiro e até mesmo a possibilidade de publicação de livros.

Como o concurso “Poesia Incrível”, que visa estimular e a produção artística/literária do município de Belo Horizonte e Região Metropolitana. E para cada concurso há os próprios requisitos para se tornar um poeta.

Definição de poeta

Para os dicionários, poeta é aquele que produz poesia. Além disso, a definição de poeta pode ser o autor cuja obra é impregnada de poesia. Entre os mais conhecidos e famosos poetas está o Fernando Pessoa, autor português que fez sucesso no país de origem e no mundo.

Veja também: Poesia brasileira

Já no Brasil, muitos poetas e poetisas são reconhecidos. Alguns deles são:

  • Machado de Assis
  • Carlos Drummond de Andrade
  • Manoel de Barros
  • Clarice Lispector
  • Rachel de Queiroz
  • Cecília Meireles
  • Adélia Prado
  • Cora Coralina
  • Hilda Hilst
  • Manuel Bandeira
  • Ferreira Gullar
  • Vinícius de Morais
  • João Cabral de Melo Neto
  • Mario Quintana
  • Ariano Suassuna

Poesia de amor

Soneto de Fidelidade

De tudo, ao meu amor serei atento antes
E com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa lhe dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure

(Vinícius de Morais)

O que é ser poeta para você?

Depois de todas essas informações já citadas, agora é sua vez de refletir: o que é ser poeta para você? Assim como outras profissões, ser poeta exige responsabilidade, esforço e dedicação. Contudo, de uma forma diferente essa profissão interfere na vida das pessoas.

Veja também: Narrativa e história

Após assimilar todas essas dicas de como ser um poeta, fica a seu critério querer mudar o mundo através de suas palavras. Levando um pouco de alegria, amor ou até mesmo conhecimento para todo o mundo.

Veja mais!