Publicado por Débora Silva

No século XX, a ideologia comunista expandiu-se pelo mundo por meio de revoluções políticas e guerras civis, como a Revolução Russa de 1917, executada pelo partido bolchevique e por meio de lideranças como Lenin e Trotski.

No entanto, dentro do comunismo revolucionário, outras táticas foram aplicadas além das definidas pela Revolução Russa. Dentre os muitos modelos que se manifestaram, está o maoísmo. Neste artigo, saiba mais sobre a corrente política denominada maoísmo.

O que é o maoísmo?

O termo maoísmo é utilizado para indicar a linha de ação política do movimento revolucionário comunista chinês, que foi liderado por Mao Tsé-Tung (1893-1976), político e revolucionário chinês responsável pela consolidação do sistema comunista na China. Entretanto, é importante destacar que este termo nunca foi utilizado na China e nem ganhou a simpatia dos próprios revolucionários chineses.

Mao e seus seguidores nutriam certa desconfiança de palavras que pudessem servir de rótulo ideológico a qualquer movimento revolucionário comunista, o que revela a preocupação dos comunistas chineses em associar a teoria (reflexão) e a prática (ação). Assim sendo, o maoísmo pode ser compreendido como a expressão do pensamento de Mao Tse-Tung, com o principal objetivo de orientar a ação revolucionária.

Imagem da cidade proibida Beijing, na China

Foto: Depositphotos

A participação de Mao Tsé-Tung no movimento comunista chinês está inserida na época em que os chineses revoltavam-se contra o imperialismo japonês, mas o comunismo foi de fato executado na China somente após a Segunda Guerra Mundial.

Pode-se afirmar que a principal característica do maoísmo foi o reconhecimento da importância das massas camponesas pobres, que era a maioria da população chinesa, e a fé em sua capacidade revolucionária.

O método revolucionário

O nome oficial da república comunista que se formou na China em 1949 foi dado por Mao: “República Popular da China”. O que define o conceito de maoísmo e torna-o singular dentre as outras vertentes do comunismo é o modo como a tomada do poder foi executada pelo exército revolucionário de Mao Tsé-Tung.

O método revolucionário teorizado e aplicado por Mao para alcançar o poder foi o inverso do utilizado na Revolução Russa. Os bolcheviques partiram dos centros urbanos, com a organização de soldados e operários, em direção ao campo; já os chineses escolheram o campo como o início da revolução. Os revolucionários chineses organizaram as suas táticas no campo, que iriam em direção às cidades, misturando técnicas militares tradicionais às técnicas de guerrilha.

O método maoísta repercutiu bastante em movimentos revolucionários durante o período da Guerra Fria. Revoluções feitas no Sudeste Asiático, como no Camboja e Vietnã, foram influenciadas pela corrente política maoísmo.

Veja mais!