Publicado por André Luiz Melo

Leite, iogurte, manteiga, pão, frutas, arroz, feijão, legumes, carnes, cereais, sucos, entre outros. Eis alguns dos alimentos que consumimos em nosso dia a dia. Talvez dificilmente você tenha parado algum dia para reparar se a quantidade de proteínas, por exemplo, é a ideal para o seu organismo.

É, e o assunto não encerra por aí. O que pensar então dos níveis de carboidratos, gorduras, minerais e vitaminas que você tem consumido?

A saúde humana depende consideravelmente do tipo e da forma como cada um se alimenta. De tal modo que compreender a classificação dos alimentos é algo essencial para que se possa ter uma boa educação alimentar.

Uma alimentação diária equilibrada deve ser composta por produtos que contenham proteínas, carboidratos, minerais, vitaminas, sais minerais e um mínimo teor de gordura. Esses nutrientes são responsáveis por deixar o nosso organismo funcionando de forma adequada, e os mesmos são encontrados em diferentes tipos de alimentos.

Proteínas

fique-por-dentro-da-classificacao-dos-alimentos-leite

Foto: depositphotos

Esse nutriente é responsável por auxiliar no crescimento saudável do corpo, bem como para mantê-lo sempre resistente e renovado. Construtores é como são classificados os alimentos ricos em proteínas. Carne, ovo, leite e derivados (queijo, iogurte, manteiga, requeijão), feijão, arroz, lentilha, milho, grão-de-bico, soja, nozes, castanha-do-pará, amendoim, amêndoas, entre outros, são exemplos de alimentos extremamente proteicos e saudáveis para o nosso organismo.

Vitaminas e minerais

fique-por-dentro-da-classificacao-dos-alimentos

Foto: Pixabay

A compreensão dos minerais e das vitaminas está diretamente relacionada a alimentos considerados reguladores, esses que promoverão uma maior fortificação do corpo o tornando resiste contra os mais variados tipos de doenças.

Água e determinados alimentos tanto de origem animal como vegetal são dotados de sais minerais e vitaminas. Carne, ovos, queijo, leite, azeite e frutas e vegetais (em especial manga, uva, laranja, maçã, melancia, acerola, espinafre, agrião, beterraba, cenoura, pepino, berinjela, tomate, feijão, lentilha, arroz) são os principais alimentos dotados desses dois nutrientes.

Alimentos e a presença de vitaminas

  • Vitamina A – Laticínios e cenouras
  • Vitamina do complexo B – Carne, leite, ovos, cereais integrais, legumes e verduras.
  • Vitamina C – Frutas, principalmente as cítricas (laranja, limão), algumas verduras e legumes.
  • Vitamina D – Laticínios, gema de ovo e vegetais ricos em óleos.
  • Vitamina K – Folhas de vegetais. É produzida por bactérias que vivem em nosso intestino.

Carboidratos

fique-por-dentro-da-classificacao-dos-alimentos-2

Foto: Pixabay

Repositores de energia, os carboidratos também são conhecidos como lipídios. São esses os nutrientes responsáveis fornecer os níveis ideais de energia que o organismo humano necessita para a execução de atividades e tarefas do seu dia a dia.

Entretanto, o consumo exagerado de carboidratos pode provocar excesso de peso, uma vez que nesse caso não haverá espaço suficiente para o armazenamento das sobras da energia gerada. Isso acaba por promover a má distribuição no corpo dessa energia não aproveitada, gerando gordura para a barriga e braços. Pão, macarrão, vegetais, frutas, batata, mandioca, cereais, trigo, milho e até mesmo os doces são fontes de carboidratos.

Veja mais!