Publicado por Priscila Melo

Nosso país, como o mundo possui várias fronteiras que o dividem de acordo com algumas necessidades. Entre essas fronteiras temos a agrícola, que com o passar do tempo vai se modificando de acordo com os territórios. Você sabe o que é uma fronteira agrícola? Qual a sua utilidade? Vamos ver agora um pouco mais sobre esse assunto.

Definição

A fronteira agrícola é um termo criado para definir a região do país que sofre com o avanço das práticas agrícolas devido às devastações das florestas. A fronteira agrícola representa uma área que é mais ou menos definida de expansão das atividades agropecuárias sobre o meio natural.

Fronteira agrícola

Foto: Reprodução

Geralmente, é nessa zona que são registrados muitos casos de desmatamento ilegal e de conflitos que envolvem a posse e o uso das terras que são chamadas de terras devolutas. Que são aqueles espaços naturais pertencentes à união e que são delimitadas por propriedades legais, estas servem de moradia para índios e comunidades tradicionais e familiares.

A fronteira agrícola está diretamente ligada com a necessidade de uma maior produção de alimentos, criação de animais sob a demanda internacional de importação destes produtos. Está ligada também à ausência de políticas públicas eficientes, pois muitas terras são compradas ilegalmente e sem controle algum das fiscalizações.

A fronteira agrícola no Brasil

Essa fronteira já esteve presente em várias regiões do nosso país. E ao longo da história essa localização vem se expandindo e modificando de acordo com mudanças políticas e econômicas de cada período.

No início, durante o período da colonização realizada pelos portugueses, a fronteira agrícola se localizava na zona litorânea, principalmente na Mata Atlântica, onde havia grande extração do Pau-Brasil. Após isso, essa área passou a ser utilizada para plantio da cana-de-açúcar. Em seguida, as atividades mineradoras e também a realização de práticas agrícolas fizeram com que essa fronteira passasse a se expandir ainda mais.

Os anos foram se passando e essa fronteira foi avançando cada vez mais, e passou a atingir o interior do nosso território. Na metade do século XX essa expansão chegou a atingir a floresta do Cerrado, que tem quase toda sua localização na região Centro-Oeste. Em poucos anos essa floresta foi quase toda devastada, restando menos 20% da vegetação original. Isso aconteceu para que houvesse um maior cultivo de soja e cana-de-açúcar.

Onde se localiza a fronteira agrícola no Brasil?

Como já foi dito anteriormente, a fronteira agrícola no Brasil vem se modificando e expandindo com o passar dos tempos. Atualmente essa fronteira está localizada em direção à região Norte do nosso país, pela Floresta Amazônica. Mais especificamente pelos estados do Pará, Mato Grosso, Tocantins e Maranhão.

São registrados vários conflitos na região da floresta amazônica, principalmente por parte dos ativistas que tentam preservar as florestas, pois mesmo com algumas medidas de vigilância e controle realizados pelo governo, diariamente milhares de hectares de floresta estão sendo devastados.

Os problemas causados pelo avanço da fronteira agrícola

Devido ao avanço da fronteira e a devastação das florestas, muitos problemas e conflitos ambientais passaram a surgir. Com o desmatamento da Floresta Amazônica, muitas comunidades indígenas passam a não ter mais onde morar, ou têm seu espaço de moradia reduzido.

Muitas disputas territoriais envolvendo indígenas, e principalmente, posseiros e grileiros surgem. Esses conflitos acontecem e acabam ocorrendo até assassinatos em decorrência da luta pela ocupação desses territórios. A fiscalização não consegue acompanhar esses casos e muitas ilegalidades acabam ocorrendo.

Veja mais!