Publicado por Priscila Melo

Você já deve ter estudado sobre as formas nominais do verbo, não é mesmo? O infinitivo, particípio e gerúndio. Mas está craque no assunto? Que tal aprender um pouco mais sobre o gerúndio? Quando essa forma nominal é utilizada de maneira incorreta acaba se transformando em um vício de linguagem, que é chamado de gerundismo.

Gerúndio

Foto: Reprodução

Definição

O gerúndio é uma forma nominal do verbo, ou seja, é uma forma verbal que não possui flexão de tempo e nem de modo, com isso ela perde algumas características de verbo e ganha algumas de nome (substantivo, adjetivo ou advérbio).

Características e uso

A principal característica de um verbo flexionado no gerúndio é que ele indica uma ação contínua, ou seja, uma ação que está em andamento, que ainda não foi finalizada no momento em que se fala.

Quando os verbos são terminados em –ndo, indica que eles estão no gerúndio, veja alguns exemplos:

Ele estava falando com os amigos quando cheguei.

Joana estava brincando lá fora.

Eu estou comendo ainda.

Estamos estudando para a prova de amanhã.

Lucas está dormindo na casa do amigo.

Nós ainda estamos chegando em casa.

Leila está conversando com Deyse sobre isso.

Pedro está lavando os pratos do almoço.

Lívia está olhando os carros pela janela.

Emanuel foi nadando para a ilha.

Eles estão cantando muito bem.

José está pensando em suas filhas.

O gerúndio pode ser usado também para expressar a simultaneidade de duas ações, veja o exemplo:

Enquanto você dormia eu estava fazendo o café da manhã.

Gerundismo

É importante ter cuidado para não confundir o gerúndio com o gerundismo. Este segundo acontece quando tentamos dar uma ideia de continuidade de uma ação no futuro, porém como está no futuro não é gerúndio e sim gerundismo. Veja o exemplo:

Vamos estar apresentando esse tema na próxima aula. (gerundismo)

Iremos apresentar esse tema na próxima aula. (sem gerundismo)

Lembre-se que o gerundismo é um vício de linguagem, então preste atenção para utilizar o gerúndio corretamente.

Outras funções do gerúndio

Vimos que o gerúndio tem a função de indicar uma ação que ainda está acontecendo ou que estava acontecendo até o momento da fala, mas ele pode ainda desempenhar a função de um adjetivo ou advérbio. Veja:

Como advérbio, ele aparece em frases que indicam circunstância de modo, veja o exemplo:

Ela cantou, sorrindo, a música inteira. (o modo como a mulher cantou a música)

Como verbo nas locuções verbais e orações reduzidas, ele indica um processo em curso ou prolongado, veja os exemplos:

Você está aprimorando os seus conhecimentos. (ação prolongada)

Estamos assistindo ao filme. (processo em curso)

Veja mais!