Publicado por Nicoli Tomazella

A Idade Média é bastante conhecida com Idade das Trevas, pois era dominado culturalmente pela religião, que criava uma sombra sobre as artes e as ciências.

Idade Média

Foto: Reprodução

Para os Iluministas, a Idade Média era localizada entre a Antiguidade Clássica e a Idade Moderna. Esse tipo de pensamento foi denominado de Eurocentrismo, pois colocava o continente europeu como o centro das análises, como se nada mais fosse considerado.

Renascimento

Os renascentistas chamaram a Idade Média de Idade das Trevas, pois se colocavam como herdeiros do pensamento e da ciência desenvolvida por gregos e romanos. Para eles, as artes e as ciências que existiam durante esse período haviam declinado quando comparadas às da Antiguidade. E a culpa seria da Igreja Católica, que dominava a política, economia e a cultura da Europa.

A partir do século XIX, com o início do movimento artístico, Romantismo, que revalorizava elementos medievais, as formas de olhar a Idade Média foram mudando.

Os historiadores, Henri Pirenne e Marc Bloch, passaram a estudar esse período medieval e descobriram que durante a Idade Média havia um desenvolvimento tecnológico na agricultura e no artesanato. Viram também que tinha uma arquitetura própria e que havia uma vontade pelo conhecimento através da criação de escolas e universidades.

Alta Idade Média e Baixa Idade Média

A Idade Média foi dividida em dois segmentos: a Alta Idade Média e a Baixa Idade Média.

A Alta Idade Média ocorreu entre os séculos V e X, foi marcada pela desintegração do Império Romano do Ocidente, pelas Invasões Bárbaras, pela descentralização do poder político. Foi um período rural (Feudos), a economia era assinalada pelas baixas trocas comercias e era de subsistência e trabalho centrado na agricultura. A Sociedade era divida entre Nobreza, Clero e Servos. A religião dominante era o cristianismo.

A Baixa Idade Média ocorreu entre os séculos XI e XIV, passou por uma crise de modo de produção feudal e de relações econômicas, sociais e culturais, marcada pela diminuição das invasões bárbaras o que trouxe um momento de paz para a Europa.

Com o aumento da população houve uma marginalização dos servos e nobres, houve o surgimento das Cruzadas o que desencadeou a Guerra Santa, nascimento da Burguesia e foi marcado pelo fim do Império Romano.

Veja mais!