Publicado por Priscila Melo

Nos jornais sempre vemos reportagens que falam sobre os índices de desenvolvimento. Um dos índices mais falados e também que é um dos mais importantes é o Índice de Desenvolvimento Humano, mais conhecido como IDH. Mas você sabe dizer para que serve esse índice? Como ele é medido? Vamos ver agora as respostas para essas e outras perguntas relacionadas a esse assunto.

IDH – Índice de Desenvolvimento Humano

Foto: Reprodução

O IDH – Índice de Desenvolvimento Humano é uma medida que compara os países e classifica-os pelo seu grau de desenvolvimento econômico e a qualidade de vida oferecida à população. Este índice classifica os países como desenvolvidos, em desenvolvimento e subdesenvolvidos. Todos os anos é feito um relatório do IDH, este é elaborado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, que é um órgão da ONU.

Para que serve?

O IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), foi criado em 1990 com o objetivo de avaliar as transformações e crescimento na qualidade de vida da população de todo o planeta. Esse índice foi desenvolvido por dois economistas, Amartya Sen e Mahbub ul Hag, e desde o ano de 1993 vem sendo usado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento todos os anos.

A medida do IDH varia entre 0 e 1, e de acordo com o cálculo e pesquisas é que sabemos a classificação de cada país. Quase todos os países do mundo fazem parte dessa pesquisa, ao todo são 177 países que realizam essa medição.

Além de ser usado para acompanhar o desenvolvimento de cada país, é usado também por organizações locais ou empresas para medir o desenvolvimento de entidades subnacionais como estados, cidades, etc.

As divisões

Você já deve ter percebido que há uma subdivisão que diferencia os países que possuem IDH alto, médio e baixo. Os países que apresentam o IDH acima de 0,8 são considerados países com o IDH alto, os que apresentam a taxa entre 0,5 e 0,79 são considerados países com o IDH médio e os que apresentam a taxa inferior a 0,5 são considerados países com o IDH baixo.

Existe uma classificação que auxilia no ranking dos países, nesta, temos quatro divisões: os países de desenvolvimento baixo, onde o IDH é menor que 25% (geralmente são países pobres), os países em processo de desenvolvimento médio, onde o IDH é 25% a mais do que o baixo, os países de desenvolvimento alto, onde o IDH é 25% a mais do que o médio (geralmente são países em rápido processo de crescimento econômico) e os países de desenvolvimento muito alto, onde o IDH é 25% a mais do que o alto (geralmente são países ricos e bem desenvolvidos).

Como é calculado?

O IDH é calculado com base em dados econômicos e sociais de cada país. O índice vai de 0 a 1 e quanto mais próximo de 1 estiver, mais desenvolvido é o país. Três fatores são utilizados para essa avaliação, são eles:

  • A longevidade – a expectativa de vida da população.
  • A educação – o acesso ao conhecimento, os anos médios de estudo e esperados de escolaridade.
  • O PIB (Produto Interno Bruto) per capta – o padrão de vida por pessoa.

Veja mais!