Publicado por Débora Silva

O movimento de translação da Terra e a inclinação do eixo terrestre em relação ao plano orbital são responsáveis pela variação de energia vinda do Sol que atinge a superfície do planeta em determinada época do ano. Devido a este fenômeno, existem quatro estações do ano: primavera, verão, outono e inverno.

Neste artigo, abordaremos as características da estação mais fria do ano: o inverno. Esta estação, caracterizada pelas temperaturas mais baixas do ano, se estende de 21 de dezembro a 22 de março, no Hemisfério Norte; e de 21 de junho a 23 de setembro, no Hemisfério Sul.

As características do inverno

Estação mais fria do ano, o inverno começa com o término do outono e antecede a primavera. Nesta época do ano, as chuvas são mais escassas e o clima torna-se frio e seco, com baixa umidade do ar.

Nas regiões onde é inverno, as noites são mais longas que os dias, pois a incidência dos raios solares é menor nessa área do planeta Terra. Neste período mais frio, são comuns as doenças respiratórias, principalmente nas crianças e idosos. Os principais problemas de saúde nesta estação do ano incluem asma, bronquite, pneumonia, infecções de garganta e ouvido, sinusite, rinite, gripes e resfriados.

Inverno

Foto: Reprodução

Os países localizados na Zona Temperada do Norte (entre o Trópico de Câncer e o Círculo Polar Ártico) e na Zona Temperada do Sul (entre o Trópico de Capricórnio e o Círculo Polar Antártico) apresentam as quatro estações bem definidas, ao contrário do Brasil. O nosso país possui clima tropical e as estações não são tão bem definidas como em outras localidades do mundo.

Nos países do Hemisfério Norte, esta estação apresenta invernos rigorosos, com baixas temperaturas e outras características que podemos ver apenas no Sul do Brasil, como as geadas e nevascas.

O inverno e a alimentação

Você já deve ter percebido que, no inverno, além de dar mais preguiça de realizar qualquer tipo de atividade física, o nosso apetite aumenta muito, não é mesmo? A fome não apenas aumenta, como também sentimos vontade de ingerir pratos mais calóricos.

Na estação mais fria do ano, a nossa alimentação realmente deve ser à base de produtos mais calóricos, para suprir a necessidade de aquecimento (o corpo gasta mais energia para se manter aquecido) do nosso organismo. Naqueles dias mais frios, não há dúvidas de que pratos quentes, como chocolates, caldos, sopas e chás, são bem mais agradáveis de serem ingeridos.

Além disso, neste período do ano as pessoas tendem a se recolher mais, buscando atividades dentro do próprio lar.

Veja mais!