Publicado por Priscila Melo

Você já ouviu falar nos jesuítas? Também conhecidos como Companhia de Jesus, eles eram os religiosos que tinham a função de evangelizar e organizar a sociedade. Na época do início da colonização do Brasil, os habitantes eram apresentados à religião católica. Que tal continuar lendo e conhecer um pouco mais sobre os jesuítas?

Quem eram?

Os jesuítas eram uma ordem religiosa católica conhecida como Companhia de Jesus. Eram padres subordinados a um regime de privações que os preparavam para viverem em lugares mais distantes e se adaptarem a todos os tipos de condições. Foram liderados por Manoel da Nóbrega, e chegaram no Brasil no ano de 1549, junto com o primeiro governador-geral, Tomé de Sousa.

Os objetivos dos jesuítas

O objetivo principal dos jesuítas era cristianizar todas as populações indígenas que habitavam no território brasileiro. Eles queriam primeiramente evangelizar, em seguida catequizar e tornar assim os indígenas que habitavam o Brasil, cristão. Fazendo com que eles seguissem as regras da igreja e se comportassem de acordo com o que os portugueses acreditavam ser a forma mais civilizada.

Como catequizavam?

Eles se organizaram e passaram a promover missões. Nelas organizavam as populações indígenas em torno de um tipo de regime onde havia a combinação do trabalho com a religiosidade. Para que fosse feita a catequização, antes de tudo era preciso que os indígenas aprendessem a língua portuguesa, pois dessa forma iriam conseguir ler trechos da bíblia e seria mais fácil o ensino da prática religiosa. O padre que foi mais conhecido pela sua evangelização nessa época foi José de Anchieta.

Jesuítas no Brasil colônia

Foto: Reprodução

Os indígenas não eram os únicos que aprendiam com os jesuítas, havia os filhos de colonos que também aprendiam com eles. Foram criados alguns colégios pela colônia, a educação era muito rígida e foi a partir desse momento que os castigos em sala de aula passaram a existir, como exemplo tem a palmatória.

Outra função dessas missões era fazer com que os indígenas mudassem seus hábitos, passando a viver de acordo com o modelo da sociedade europeia. Com o passar do tempo os jesuítas começaram a acumular riquezas e usavam a mão de obra indígena para suas construções, aumentando suas posses. Eles foram banidos da colônia brasileira pelos portugueses no ano de 1759, e todas as suas posses e riquezas passaram a pertencer à Coroa Portuguesa.

Veja mais!