Publicado por Débora Silva

Terceiro maior bioma do Brasil, a segunda maior floresta brasileira (em extensão) e uma das mais importantes florestas tropicais do mundo, a Mata Atlântica é uma formação vegetal presente em grande parte da região litorânea brasileira, na região mais próxima ao Oceano Atlântico (daí vem o seu nome). O bioma abrange a costa leste, sudeste e sul do Brasil, leste do Paraguai e a província de Misiones, na Argentina.

Mata Atlântica

Foto: Reprodução

As principais características da Mata Atlântica

  • Presença de árvores de médio e grande porte, formando uma floresta densa e fechada;
  • Rica fauna com diversas espécies de mamíferos, anfíbios, aves, insetos, peixes e répteis;
  • As árvores de grande porte formam um microclima na mata, produzindo sombra e umidade;
  • Elevada biodiversidade, com a presença de diversas espécies animais e vegetais;
  • A maior parte da população brasileira, aproximadamente 115 milhões de pessoas (61% dos habitantes do nosso país, de acordo com os dados do Censo Demográfico 2010 feito pelo IBGE), habita no território da Mata Atlântica.

A flora e a fauna da Mata Atlântica

  • Flora: Alguns exemplos de vegetação encontrada na Mata Atlântica são os seguintes: palmeiras, pau-brasil, jacarandá, cedro, tapiriria, ananás, figueiras, cipós, briófitas, dentre outros;
  • Fauna: A diversidade dos animais que fazem parte da fauna da Mata Atlântica é enorme, com aproximadamente 1300 espécies registradas, sendo que a maior parte dessas espécies é exclusiva desta região, não existindo em nenhuma outra região do mundo. Dentre os exemplos de espécies animais encontrados na Mata Atlântica, podemos citar os seguintes: mico-leão-dourado (risco de extinção), tamanduá bandeira (risco de extinção), muriqui, tatu-canastra (risco de extinção), anta, capivara, onça pintada (risco de extinção), arara-azul-pequena (risco de extinção).

O desmatamento na Mata Atlântica

Infelizmente, A Mata Atlântica encontra-se em processo de extensão: estima-se que 96% de sua área original já tenham sido desmatadas, restando poucos trechos divididos em pequenas porções e em reservas ambientais. No total, existem 799 unidades de conservação. O processo de desmatamento da região ocorre desde 1500, com a chegada dos portugueses ao Brasil e o início da extração do pau-brasil, importante árvore que compõe a flora da Mata Atlântica. Atualmente, os principais fatores responsáveis pela extinção desta mata são o corte ilegal de árvores, a poluição ambiental e a especulação imobiliária.

Você sabia?

– O Dia da Mata Atlântica é comemorado em 27 de maio;
– Diversos povos indígenas, como os Pataxó, Potiguara, Tupiniquim e Guarani Kaiowá, habitam a região da Mata Atlântica.

Veja mais!