Publicado por Débora Silva

O sono é essencial para a nossa saúde e a nossa sobrevivência. Nós precisamos de uma média de oito horas de sono por dia para que o corpo descanse bem e esteja pronto para as atividades do dia seguinte. Você sabia que, enquanto dormimos, muitos processos importantes ocorrem no nosso organismo? Vamos conhecer melhor esses processos nos quais o corpo se recupera e se desenvolve.

O que acontece durante o sono?

Foto: Reprodução

O sono

O ciclo de sono e vigília apresenta o que é chamado de “ritmo circadiano”, ou seja, se repete a cada 24 horas.

O sono é descrito, fisiologicamente, como o estado em que a atividade motora é reduzida, há uma perda temporária de consciência e o indivíduo não responde facilmente a estímulos sensoriais; já na vigília, o indivíduo apresenta elevada atividade motora e cognitiva e responde aos estímulos facilmente.

Estágios do sono

O sono não é homogêneo, ele ocorre de forma cíclica e cada ciclo possui vários estágios, alternando fases de sono leve e profundo. Cada ciclo dura, em média, entre 60 e 90 minutos e é dividido nos cinco seguintes estágios:

  • Estágio 1: Fase inicial do sono, sendo a transição do estado de vigília para o sono, podendo durar de alguns segundos a 5 minutos. Caracteriza-se pelo sono leve, o estado de consciência baixo e a atenção reduzida.
  • Estágio 2: Dura de 10 a 20 minutos, e ainda é uma fase de sono leve, porém não tanto como no estágio 1.
  • Estágio 3: Início do sono profundo, quando a atividade cerebral se torna mais lenta. Este estágio dura de alguns segundos até 5 minutos.
  • Estágio 4: É o estágio do sono profundo, durando aproximadamente 20 minutos. Nesta fase, a frequência cardíaca, a respiração e a temperatura corporal diminuem. É no estágio 4 que ocorre a produção de hormônios.
  • Sono REM: O sono REM é também conhecido como estágio 5 ou sono paradoxal. O nome “REM” vem da sigla para “rapid eyes movements” (movimentos rápidos dos olhos). Neste estágio, os olhos se mexem rapidamente por baixo das pálpebras fechadas, mas o resto da musculatura do corpo permanece completamente relaxado. Este estágio dura de 15 a 20 minutos e é nele que ocorrem os sonhos.

Processos que ocorrem durante o sono

Durante o sono, o sistema imunológico do organismo se fortalece e hormônios são produzidos e liberados. Um destes hormônios é o do crescimento. Outro hormônio liberado durante o sono é a leptina, responsável por causar a sensação de saciedade.

Além disso, uma boa noite de sono favorece a memorização e o aprendizado dos conteúdos vistos durante o dia, pois há o descanso e relaxamento dos nossos músculos.

Quando dormimos mal, desenvolvemos mais chances de sofrer com doenças como pressão alta, infecções, diabetes e obesidade, além do comprometimento da capacidade de raciocínio, com cansaço físico e mental.

Veja mais!