Publicado por Priscila Melo

Os povos maias formam um conjunto diverso de povos nativos americanos do sul do México e da América Central setentrional. Essa civilização habitou a região das florestas tropicais das atuais Guatemala, Honduras e Península de Yucatán.

O termo maia, que era usado para designar esse conjunto de povos, é abrangente e ao mesmo tempo se torna uma designação coletiva que inclui os povos da região que partilham de algum modo uma herança cultural e também linguística. Porém, essa designação inclui diversas populações, sociedades e grupos étnicos diferentes, cada um deles com suas tradições particulares, culturas e identidade histórica.

A organização e sociedade

Os maias nunca chegaram a formar um império unificado, e isso facilitou a invasão e o domínio de outros povos vizinhos. As cidades-estados formavam o núcleo de decisões e práticas políticas e religiosas da civilização e eram governadas por um estado teocrático.

A zona urbana era habitada apenas pela família real (os nobres), pelos sacerdotes (que eram responsáveis pelos cultos e conhecimentos), chefes militares e administradores do império (cobradores de impostos). Os camponeses, artesãos e trabalhadores urbanos formavam a base da sociedade, eram a classe mais baixa, e tinham que pagar impostos muito altos.

Os povos maias

Foto: Reprodução

Acredita-se que no início do século XXI haviam 6 milhões de maias, alguns deles encontram-se integrados nas culturas modernas dos países onde residem, outros continuam seguindo o modo de vida de antigamente, que é mais tradicional e culturalmente distinto, muitas vezes falando uma das línguas maias como primeiro idioma.

As maiores populações de maias contemporâneos se localizam nos estados mexicanos de Yucatán, Campeche, Quintana Roo e Chiapas, e nos países da América Central Belize, Guatemala, e nas regiões ocidentais de Honduras e El Salvador.

A economia

Os povos maias possuíam técnicas avançadas de irrigação e isso fez com que a agricultura fosse a base da economia, principalmente o cultivo do milho e do feijão. Eles praticavam o comércio de mercadorias com povos vizinhos e no interior do império. Cultivavam ainda o algodão, o tomate, o cacau, a batata e

O que deixaram?

Da mesma forma que os egípcios, eles usaram uma escrita baseada em símbolos e desenhos (hieróglifos). Eles registravam acontecimentos, datas, contagem de impostos e colheitas, entre outros dados que achavam importantes.

Criaram um calendário complexo, mas muito eficiente, que registrava exatamente os 365 dias do ano. Desenvolveram a matemática, tendo destaque na invenção das casas decimais e o valor zero. Na aritmética conseguiram fazer cálculos e conhecer o movimento do sol, da lua, dos planetas, entre outros astros. Há diversos monumentos, templos e outras construções dos maias. Algumas delas estão em ruínas, porém ainda assim atraem a atenção de quem as vê.

Veja mais!