Publicado por Priscila Melo

Você sabe o que é uma frase? E uma oração? A frase é um enunciado que possui em si um sentido e que transmite uma mensagem. Já a oração é um enunciado que contém uma ação, ou seja, um verbo. As orações podem ser classificadas como período: simples ou composto, e é sobre essa segunda classificação que iremos falar hoje.

Período composto

Foto: Reprodução

O que é um período composto?

Dizemos que o período composto é formado por duas ou mais orações, lembrando que cada oração é, obrigatoriamente, estruturada em torno de um verbo. Ou seja, é um enunciado que possui sentido completo e que contém mais de uma ação verbal. Veja alguns exemplos:

1.Andem rápido e entrem pela porta dos fundos!

2.Ela corria rápido, estava fugindo de alguma coisa.

Observe que nos exemplos, as palavras destacadas são verbos e que por existir mais de um verbo, há mais de uma oração, formando assim um período composto.

Período composto por subordinação

O período composto pode ser por subordinação quando é formado por uma oração principal que é complementada com uma ou mais orações subordinadas. Neste caso, essas orações podem ter a função de sujeito, complemento nominal, adjunto adverbial, adjunto adnominal entre outras, dentro da estrutura da oração principal. Veja o exemplo a seguir:

Os alunos da faculdade esperavam que os professores suspendessem as avaliações daquele dia.

Observe que neste exemplo acima, a segunda oração está subordinada à primeira, isso acontece, pois ela exerce função sintática de objeto direto do verbo esperar.

Período composto por coordenação

O período composto pode ser por coordenação, e como o próprio nome já diz, ele é aquele período que é formado por duas ou mais orações coordenadas, ou seja, orações que diferente das subordinadas, não dependem uma da outra. Veja os exemplos:

1.Andem rápido e entrem pela porta dos fundos!

2.Ele pediu desculpas, mas ela não o desculpou.

Período composto por coordenação e subordinação

Existem casos em que um mesmo período acaba sendo composto tanto por subordinação, quanto por coordenação. Nestes casos existe uma oração principal, que possui duas orações subordinadas a ela, e essas duas orações são coordenadas entre si. Desta forma, dizemos que o período possui dois tipos de relação: a de subordinação e a de coordenação. Veja o exemplo abaixo:

É bom que ele estude de verdade e passe nas provas.

Observe que a oração “que ele estude de verdade” não depende da oração “(que ele) passe nas provas”. Mas, ambas são subordinadas à oração principal, iniciada com “É bom que…”.

Veja mais!