Publicado por Priscila Melo

É sempre bom chegar a uma cidade onde tudo é bem organizado e limpo, não é mesmo? Quando não há lixo nas ruas, onde o ambiente é livre de todos os tipos de poluição e as pessoas contribuem para a conservação e organização da cidade limpa. Mas quando falamos de poluição muitas vezes as pessoas só se lembram da poluição do ar, da água, do som e das ruas, mas existe outra poluição que tem se tornado cada vez maior, principalmente nas cidades mais urbanizadas, a poluição visual. Conheça agora mesmo um pouco mais sobre esse tipo de poluição.

Poluição visual

Foto: Reprodução

Definição

A poluição visual é aquela poluição que está ligada ao excesso de elementos que compõem parte da comunicação visual, seja através de cartazes, anúncios, propagandas, placas, banners, outdoors entre outros. Estes geralmente são mais encontrados em ambientes urbanos, principalmente nos centros das cidades e em shoppings.

Há ainda outro tipo de poluição visual, esta não está ligada à publicidade, como exemplo temos: o grafite, as pichações, os fios de eletricidade e telefônicos, as construções com falta de manutenção, o lixo exposto não orgânico e outras coisas que prejudicam as condições estéticas e sanitárias do meio em que se vive.

Consequências da poluição visual

A poluição visual acaba trazendo muitas consequências para os centros urbanos, local onde ocorre com frequência. Com as ruas e fachadas cheias de anúncios e propagandas, o homem acaba tornando-se apenas um espectador e consumidor que se envolve em meio às propagandas e não observa a paisagem natural.

Outro problema causado por esse tipo de poluição são os acidentes de carro, pois com a intensa poluição visual nas ruas públicas onde há grande tráfego de automóveis é comum que os motoristas desviem a atenção do trânsito.

Há psicólogos que afirmam também que além dos danos com relação à questão material, a poluição visual atingi ainda a saúde mental das pessoas, isso acontece pois acaba sobrecarregando o homem de informações que não são necessárias.

A poluição visual ainda danifica a arquitetura original das cidades, fazendo com que fiquem mais “feias”. As áreas arborizadas também acabam sendo afetadas, pois acabam sendo substituídas por outdoors e outras placas publicitárias

As leis

De acordo com a Lei de Crimes Ambientais, Lei 9.605/98, At. 65, só é considerado crime a pichação e é aplicada pena de detenção e multa. Quanto às propagandas de publicidade, o controle se dá por meio de algumas leis que tentam regulamentar a atividade.

Em alguns municípios, há a tentativa de revitalização de regiões pela violência e por vários tipos de poluição, inclusive a visual. Com isso, lojas e outros geradores da poluição visual mudam suas fachadas para tornar a cidade mais harmônica e agradável esteticamente.

Veja mais!