Publicado por Priscila Melo

Assim eram chamados os povos que não pertenciam e não falavam a língua dos romanos e gregos. Para os romanos além de não falarem sua língua, os bárbaros também eram os povos que viviam além das fronteiras de Roma. Os principais bárbaros eram de origem germânica, eles se dividiam em grupos: os Tártaro-mongóis, os Eslavos e os Germanos.

Povos bárbaros

Foto: Reprodução

A história dos Bárbaros

Esses povos eram conhecidos pelos seus inimigos como sanguinários, sujos, brutos, primitivos e poucos eram os que sabiam escrever. De início os bárbaros vivam em paz com os romanos, a partir dos séculos IV e V começaram a se deslocar em direção ao Império Romano devido aos Hunos que estavam vindo do leste, invadindo a Europa causando pânico e destruição por onde passavam. Forçando os povos a entrarem pelas fronteiras do Império Romano.

Com isso houve uma precipitação na fragmentação do império que já estava em crise devido ao escravismo e a anarquia militar. O ápice das invasões ocorreu no ano de 476, quando o último imperador foi deposto e um bárbaro assumiu o título de rei de Roma.

Quase todos os reinos foram efêmeros, não possuíam uma organização muito eficiente, alguns chefes se esforçavam para manter a ordem, porém não obtinham muito sucesso.

Os principais reinos foram:

  • Reino dos Ostrogodos: foi criado na Península Itálica.
  • Reino dos Visigodos: foi criado na Península Ibérica.
  • Reino dos Vândalos: foi criado no norte da África.
  • Reino dos Suevos: foi criado na região costeira da Península Ibérica.
  • Reino dos Borgundinos: foi criado na região da Gália, que mais tarde foi conquistada pelos francos.
  • Reino Anglo Saxão: foi criado na Bretanha após os saxões vencerem os bretões.

A religião dos Bárbaros

Os Bárbaros, antes da invasão ao Império Romano, praticavam uma religião politeísta. Adoravam aos deuses representantes das forças da natureza. Odin era o principal Deus, representava a força da guerra. Havia também Thor, Deus do trovão e Freya a Deusa do amor. Na crença deles havia uma vida após a morte, onde todos os guerreiros mortos em batalha iriam para a Valhala, o paraíso. Essa crença fazia com que esses povos desejassem ainda mais a guerra.

O Império Romano foi destruído pelos Bárbaros, mas eles aceitaram a religião dos romanos. Adotaram o cristianismo como religião e fizeram com que a igreja católica exercesse seu poder sobre a população. A queda do Império Romano marcou o início da Idade Média.

Os principais povos Bárbaros

  • Francos: estabeleceram-se na região da atual França e fundaram o Reino Franco. Os primeiros registros desse povo são do século 3, quando ele dominava áreas das atuais Bélgica e Holanda.
  • Lombardos: invadiram a região norte daPenínsula Itálica.
  • Anglo-Saxões: eram descendentes de três grupos que migraram da Alemanha e da Dinamarca para a Inglaterra no século 5: os anglos, os saxões e os jutos.
  • Hunos: vieram da Ásia no século 4, os hunos eram guerreiros muito temidos que viviam em carroças ou tendas provisórias.
  • Gauleses: eram originais das atuais Bélgica e Holanda desde o século 5 a.C.
  • Godos: eram escandinavos e dividiam-se em ostrogodos e visigodos, que falavam dois dialetos do idioma gótico.
  • Vândalos: eram originários da Europa Central fugiram para o oeste do continente para se safar dos hunos no século 5. Em 429, os vândalos foram para o Norte da África e criaram um reino na Tunísia e na Argélia.

Veja mais!