Publicado por Pollyana Batista

O dia 15 de novembro de todos os anos marca o feriado da Proclamação da República. Mas você sabe o que quer dizer República? A palavra é bem comum no dia a dia, mas poucas vezes nos lembramos que ela significa a forma de governo que temos em nosso país.

República nasceu em oposição à monarquia, cujo rei é o comandante supremo. Na república não existe um líder que é substituído por seus herdeiros, mas sim uma pessoa escolhida pelo povo em uma votação, que se chama presidente.

Em uma república, o presidente é ao mesmo tempo chefe de Estado e de governo. Ele fica no cargo por um tempo determinado e tem que o deixar em seguida.

Em uma república, o presidente é ao mesmo tempo chefe de Estado e de governo

A república nasceu em oposição à monarquia (Foto: depositphotos)

Outra característica da república é que existe uma divisão clara entre dois poderes: o legislativo e o executivo. Esse último é exercido pelo presidente eleitos, já o primeiro é comandado por diversos deputados e senadores também escolhidos pelo voto nas urnas.

Na prática, os deputados elaboram e fazem novas propostas de lei, enquanto o presidente é responsável por executá-las ou não.

Como nasceu a república no Brasil

A república no Brasil nasceu em 1889. Ela só foi possível porque o Brasil ficou independente em 1822 de Portugal. Foram 87 anos de monarquia. Primeiro, veio Dom Pedro I e depois o seu filho Dom Pedro II.

Veja também: Mergulhando na história do Hino Nacional do Brasil

O contexto político e social no qual se instalou a república foi tumultuado. Um ano antes, a princesa Isabel havia abolido os escravos. Isso tinha deixado muita gente descontente, inclusive a Igreja Católica e muitos fazendeiros poderosos. Além disso, grupos que apoiavam a abolição também não ficaram felizes com ela, pois na opinião deles o fato demorou muito para acontecer.

Outro grupo fortíssimo também estava descontente com Dom Pedro II. Eram os militares. Eles estavam sendo muito reprimidos na monarquia que não os deixavam livres para dar entrevistas à imprensa, por exemplo. Qualquer decisão tinha que passar pelo Ministro de Guerra, que estava submetido diretamente ao rei.

Por isso, o levante foi organizado por um militar, o Marechal Deodoro da Fonseca. Porém, alguns estudiosos afirmam que o Marechal era monarquista e só começou o levante pois soube que Dom Pedro II iria nomear um inimigo dele para ser Ministro da Defesa, o que iria lhe colocar como submisso direto de um homem com quem já havia brigado pelo amor de uma mulher.

Veja também: Dia da bandeira

Início do movimento republicano

O movimento republicano começou no Rio de Janeiro, pois à época era a sede da monarquia. E a ação foi bem rápida e coordenada. Em poucas horas, todos os ministros do governo já estavam fora e foi José do Patrocínio que anunciou a derrubada do Império com a publicação da proclamação da República dos Estados Unidos do Brasil.

O imperador recebeu a notícia da derrubada da monarquia sem alarde e não mostrou resistência. Ao que parece, ele já estava cansado de tanta pressão por todos os lados. Ele recebeu o comunicado quando estava na sua casa imperial em Petrópolis, região serrana no Rio de Janeiro. Ele e sua família foram exilados na Europa.

Veja mais!