Publicado por Débora Silva

O suor é um líquido produzido pelas denominadas glândulas sudoríparas, que são encontradas na camada superficial (derme) da nossa pele e, embora estejam distribuídas por todo o nosso corpo, são encontradas principalmente em determinadas regiões, como a palma das mãos, planta dos pés, axilas e rosto.

O suor é formado principalmente de água, mas também podem ser encontradas outras substâncias retiradas do sangue pelas glândulas sudoríparas, como ácido úrico, ureia e cloreto de sódio. Determinados alimentos e medicamentos, como alho, cebola, vitaminas e antibióticos podem ser eliminados pelo suor.

Suor – O que é e para que serve?

Foto: Reprodução

Com certeza você já percebeu que, em dias mais quentes, durante a prática de atividades físicas e sob situações de nervosismo, a produção de suor aumenta. Por que será?

Para que serve o suor?

A principal função do suor é regular a temperatura do nosso corpo, resfriando-o quando ele está além da temperatura normal. Quando a temperatura passa do normal (entre 36ºC e 36,5ºC), as glândulas sudoríparas produzem o suor para que o corpo não esquente muito. Caso a temperatura do nosso corpo eleve muito, podem acontecer muitos problemas com o organismo. Ao suar, o corpo elimina o excesso de calor produzido pelo metabolismo ou pelo esforço muscular.

Vamos ver um exemplo: ao realizarmos qualquer esforço físico, a atividade muscular faz com que se produza muito calor e, consequentemente, a temperatura corporal aumenta. Por meio do suor, o corpo consegue se resfriar reduzindo a temperatura.

Além de atividades físicas, as alterações hormonais (como menopausa e doenças da tireoide) e emocionais (ansiedade, nervosismo, estresse, medo, dor) também influenciam na produção de suor. Quando suamos, o corpo perde muita água e outras substâncias e, por isso, é muito importante se hidratar bem nessas situações.

Suor tem cheiro?

O suor é um líquido inodoro, ou seja, não possui cheiro algum. No entanto, este líquido acumulado em algumas áreas do corpo, tais como pés, axilas e virilhas, pode ser atacado por fungos e bactérias, o que ocasiona cheiros desagradáveis. Por isso, é extremamente importante fazer uma boa higienização dessas áreas.

Hiperidrose

Algumas pessoas sofrem de um problema denominado hiperidrose ou hiper-hidrose. A hiperidrose localizada é a produção exagerada de suor nas palmas das mãos, nas axilas ou nas plantas dos pés; já na hiperidrose generalizada ocorre o aumento da transpiração por todo o corpo.

É possível que este problema aconteça devido a desequilíbrios hormonais, hiperatividade do sistema nervoso simpático, problemas na tireoide e demais condições de saúde.

Veja mais!