Publicado por Lia Vieira

Dentro do campo da matemática, temos como as principais operações: adição, subtração, divisão e multiplicação. Através do processo de multiplicação podemos encontrar outra operação, que chamamos de potenciação. Para realizarmos os cálculos de potenciação é necessário e essencial realizar cálculos com multiplicação.

Potenciação

Foto: Reprodução

Potenciação também pode ser chamada de exponenciação, os números envolvidos são chamados de fatores e o resultado da multiplicação é chamado de produto. Quando temos fatores iguais existe uma forma diferenciada de realizar a apresentação desta multiplicação, da qual chamamos de potencialização.

2 . 2 . 2 . 2 = 16 (isto é, multiplicação de fatores iguais)

A multiplicação acima pode ser representada na forma de potenciação:

2 . 2 . 2 . 2 = 24 = 16

Isto é, sempre que encontrarmos fatores iguais, podemos montar uma potência.

Dados da potência

24 = 16

2 – é a base, onde sempre será o valor do fator;

4 – é o expoente, a quantidade de vezes que o fator se repete;

16 – é a potência, o resultado do produto;

Leitura de potência

23 = dois elevado ao cubo ou dois elevado a três.

44 = quatro elevado à quarta potência ou quatro elevado a quatro.

52 = cinco elevado ao quadrado ou cinco elevado a dois.

1010 = dez elevado à décima potência ou dez elevado a dez.

Calculando o valor das potências

32 = 3 . 3 = 9
103 = 10 . 10 . 10 = 1000
53 = 5 . 5 . 5 = 125
45 = 4 . 4 . 4 . 4 . 4 = 1024

Potenciação com números negativos

1° Exemplo: (- 3)² = 9

O sinal de negativo ( – ) faz parte da potenciação porque está dentro do parêntese. No exemplo a acima vemos que o expoente é 2, um número par, sendo assim o número negativo 3 ao final da equação se torna positivo.

2° Exemplo: – 3² = – 9

Neste caso o sinal de negativo está fora do parênteses, sendo assim o resultado irá se manter negativo.

Veja mais!