Publicado por Tailane Paulino

Caso você precise fazer uma maquete do sistema solar para algum trabalho escolar, pode ficar meio perdido sobre como começar a produção. Contudo pode ficar tranquilo, porque separamos aqui diversas dicas sobre como montar uma maquete de maneira fácil e rápida.

Uma maquete é um modelo de representação em uma escala reduzida. Dessa maneira podem ser feitas maquetes de qualquer coisa, inclusive do sistema solar e seus planetas.

O melhor de tudo é que não é preciso gastar muito dinheiro, pois com criatividade é possível criar estruturas giratórias, que se mexem de acordo com os movimentos dos planetas, com material reciclado e até utilizando bolas de isopor.

As maquetes geralmente são feitas em 3D e devem apresentar os objetos em escala real. Isso é, os tamanhos de todos os planetas devem apresentar as variações de tamanho real, mas não precisa fazer tudo milimetrado, basta seguir uma escala visual que o trabalho já vai ficar bem feito.

Como começar a fazer a maquete do sistema solar?

Antes de mais nada é preciso montar um cronograma de trabalho e ter em mente todos os detalhes que serão adicionados à maquete. Isso é, fazer uma tabela com a data de entrega e apresentação da maquete, tempo que você terá para finalizar o projeto e ainda quanto você ou pessoas do grupo irão precisar investir em material.

Mãe e dois filhos fazendo uma maquete do sistema solar

Para produzir sua maquete, opte por materiais reciclados (Foto: depositphotos)

Em segundo lugar é necessário fazer uma lista com os materiais que serão usados e os que ainda precisam ser comprados.

Também é importante verificar como você irá levar o projeto para a sala de aula. Isso é importante porque você pode ter problemas com o transporte e estragar toda a maquete, caso você opte por fazê-la em uma escala muito grande.

Por fim, deixe claro se irá usar materiais reciclados. Se sim, quais e onde eles serão aplicados. Por exemplo uma caixa de sapatos, ou massinha de modelar velha para fazer os planetas menores do sistema solar.

Pense com cuidado também na escala e cores de tinta que serão usadas nos planetas. Já que o tamanho e, principalmente, a ordem deles podem determinar se o seu trabalho ficará bom ou não.

Com esse cronograma em mãos será possível ter em mente todos os passos que serão necessários para fazer todo o trabalho. Sendo assim, você poderá dedicar mais tempo para fazer a maquete e se dedicar mais a todos os passos do projeto.

Veja também: O planeta Terra

Dicas de como fazer

Uma dica para fazer uma maquete do sistema solar é usar materiais reciclados. Isso irá deixar o seu projeto ainda mais especial, já que ele ainda irá contribuir para reduzir a quantidade de lixo que é jogada no planeta.

Para isso você pode usar uma caixa de sapatos velha, que irá servir do fundo que representa o universo. Os planetas podem ser feitos com bolas de isopor, ou feitas com jornal velho. Para isso basta apenas encher nove bexigas de tamanhos diferentes, sendo a maior delas para o Sol e cobrir tudo com jornal velho e cola. Logo depois de pintar a aparência dos planetas irá ficar bonita e uniforme.

Massinha de modelar antiga é uma boa opção para fazer os planetas menores. Bastará pintar com tinta a base de água para que elas fiquem nas cores corretas.

A montagem pode ser feita de duas maneiras. Em primeiro lugar, os planetas podem ser colados na ordem correta no fundo da caixa, que deve ser pintado de preto. Em segundo lugar, os planetas podem ficar suspensos por um fio bem fino. Esse fio pode ser um fio dental ou uma linha de costura, que pode ser colado nos planetas usando cola quente.

Outra dica é sempre prestar atenção as cores de cada planeta e do Sol. Assim, o projeto fica mais fiel a realidade e bonito. Você também pode pintar algumas estrelas no fundo da caixa de papelão. Isso pode ser feito com o auxílio de uma caneta corretiva, ou pincel bem fino e tinta branca.

Quais materiais usar?

Você pode usar qualquer material para fazer a sua maquete. No entanto, os melhores são as esferas de isopor, que podem ser encontrados em qualquer papelaria. Uma cartolina, placa de isopor ou caixa de sapatos grande pode ser usada para representar o universo. Basta usar tinta preta em tudo.

Os planetas também podem ser feitos usando bexigas e jornal velho. Para os planetas menores como Terra, Vênus e Marte podem ser pequenas esferas feitas com massinha de modelar ou argila. É necessário apenas pintar nas cores correspondentes a cada um deles.

Veja também: Planetas

Fotos para inspiração da maquete do sistema solar

Separamos algumas fotos que podem servir de inspiração na hora de fazer a maquete do sistema solar.

Elas usam os materiais que mostramos aqui, mas o importante é sempre colocar algo seu no projeto. Desse modo, essas imagens servem como uma inspiração do que deve ser feito, confira.

(Foto: Reprodução | Pinterest)

(Foto: Reprodução | Pinterest)

(Foto: Reprodução | Pinterest)

(Foto: Reprodução | Pinterest)

(Foto: Reprodução | Pinterest)

Vídeo tutorial de como fazer a maquete

Esse vídeo que está disponível na plataforma YouTube também pode ser de grande ajuda no momento de fazer a sua própria maquete. Nele são usados materiais simples e fáceis de serem encontrados e o resultado final fica bem bonito.

Ordem dos astros na maquete do sistema solar

Uma maquete do sistema solar é um jeito divertido de aprender sobre os planetas que estão próximos ao nosso. Sendo assim, ela não pode ser feita de qualquer maneira e é importante seguir a escala de tamanho e ordem dos planetas.

Desse modo, o primeiro e maior astro da sua maquete será o Sol. Em segundo lugar virá o planeta Mercúrio, seguido de Vênus, a Terra e Marte. Esses quatro primeiros planetas são menores do que os seguintes.

Logo depois você irá precisar de uma esfera maior para representar o gigante gasoso Júpiter. Ele é o maior planeta do sistema solar e sua principal característica é uma mancha vermelha que sempre se move.

Veja também: A importância do sol para os seres vivos

Em seguida você deve representar Saturno, que também é chamado de gigante gasoso, mas deve ser menor que Júpiter. A principal característica de saturno são os seus diversos anéis. Para isso você pode usar um círculo cortado em cartolina ou outro papel.

Por fim, deverão vir duas esferas menores que irão representar os gigantes gelados Urano e Netuno. Os dois são azuis e para diferenciar, você deve pintar o planeta urano em uma cor mais clara.

Veja mais!